Sobre Gildemar



Professor, não! Gildemar! 
   
   Quando fiz faculdade, no Instituto de Física da USP, a partir de 1974, os alunos chamavam os professores pelo nome. Era tempo de ditadura militar, de movimento estudantil, e chamar os professores pelo nome dava um ar de igualdade. Quando algum aluno chamava "professor", soava meio infantil, meio escola primária. Me acostumei com isso e quando passei a ensinar, em 1993, e me chamavam de professor, parecia que havia um retrocesso no movimento estudantil.  A luta para acabar com os títulos elitizantes havia desaparecido. Mas os alunos não tinham culpa. Afinal, o regime militar tinha castrado as lideranças e toda possibilidade de questionamento do regime.
   Mas um dia li numa revista, acho que "Isto é", uma reportagem onde dizia que todos os prefeitos queridos pela população brasileira eram chamados pelo primeiro nome, e por "você". Enquanto isso Collor, que era odiado pela população pelo grande calote que aplicou e tirou a vida e felicidade de muita gente, ralhava com quem o chamasse de Fernando, e dizia que "você" era alguma coisa como a pqtp.   
   Então comecei a me questionar sobre o uso de títulos, como pronome de tratamento.  Os títulos são usados para mostrar respeito a uma pessoa que tem uma qualificação superior, em princípio. Mas seria necessário realmente o título para que houvesse respeito? Os deputados e senadores, boa parte piores exemplos para o cidadão, se chamam de "vossa excelência" enquanto se ofendem com baixaria: "Vossa excelência é uma prostituta idosa", já disseram a ACM. Não usam você para demonstrar respeito (!!??).
   Conheci um advogado que me pediu: "Quando você falar meu nome perante os outros advogados, por favor diga Doutor Fulano de Tal. É costume nosso".  Eu chamava todo mundo pelo nome: médicos, advogados, embaixadores, ministros. "É porque eu fiz o doutorado mas não gosto que me chamem de doutor. Então pensei que as outras pessoas fossem assim também" - respondi. Esse advogado não resolveu nada do meu problema por anos e anos.
   Mas eu entendo que eles queiram ser chamados de doutor. É como um crachá. Quando um médico diz "Eu sou Dr. Paulo", ele está dizendo que ele é um médico e pode lhe tratar quando você precisar. Da mesma forma que os funcionários de um supermercardo precisam de uma identificação para que os clientes saibam a quem se dirigir. Os professores na sala de aula não precisam disso. Só me confundem com um aluno no primeiro dia, antes de começar a aula (rsrsrs).
   A gente aprende que tem que manter a autoridade na sala de aula, senão os alunos deitam e rolam. Por isso fiquei com medo de que se não me chamassem de professor, começasse um excesso de intimidade. Mas isso nunca aconteceu. Os alunos em geral são muito legais e compreensivos. Ninguém nunca me tratou mal pelo simples fato de me chamar pelo nome. Muito pelo contrário, são todos muito amigos e colaboradores.


    Natural de Inhambupe, criou-se em Serrinha, Bahia. Formou-se em Física pela Universidade de São Paulo (1979), onde fez mestrado em Eletrodinâmica Estocástica.  Depois recebeu bolsa do governo japonês e, na Universidade de Nagoya, fez mestrado (1986) e doutorado (1990) em sólitons. Atualmente é professor da Universidade Federal da Bahia, e dedica-se ao estudo de álgebras bidimensionais, e suas aplicações a equações diferenciais não lineares e sólitons.

    Apreciador e amante da música, toca flauta doce e faz arranjos.
    É participante do grupo Ateneu Musical (pequena orquestra de amadores, pode ser vista no youtube  http://www.youtube.com/watch?v=dxQMipa2KBk), do Coral Kosmos (que canta músicas japonesas) e da ACBJ-BA (Associação Cultural Brasil Japão do Estado da Bahia).

     As duas fotos abaixo foram em 2011, acho que maio, no evento Gambare Nippon, quando a colônia japonesa tocou tambores em homenagem às vítimas do Tsunami, no dique do Tororó.
Minha cara flauta doce!


Será Beethoven com essa cara complicada?
O nosso coral Kosmos e o Ateneu Musical tocando os hinos do Japão e do Brasil
  Apresentação do blog:

   Um aluno chamado Jodiael, que é professor, me disse que eu tinha que me atualizar. Fazer meu blog, para postar provas antigas para os alunos estudarem, colocar os avisos que preciso transmitir, etc. Achei boa a idéia e com a ajuda de minha filha fiz este blogue em novembro de 2009. Aproveito então para interagir mais com meus caros amigos.

Meus pais, meus irmãos (menos um),  e eu, em 2012, em Serrinha.
Os que estão sem óculos é porque já operaram de catarata.
Eu sou o sexto filho e já estou nesse meio.


35 comentários:

  1. Saluton kara!
    Cxu vi ankoraux memoras min? Mi estas Alonso el la memorinda Spiritisma junularo de la FEESP.
    Bela foto kaj bela familio, gratulon!
    Kore.
    Alonso

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Alonso! Kiam mi legis vian mesajxo mi prete memoris vian vizajxon! Do mi fine rekonis ke tiu estas la foto de Kapegulo, ke mi ne rekonis. Granda jxojo scribi al vi! Danke!

      Excluir
  2. Figuraça! Gente finíssima! Forte abraço e pega leve nas provas de métodos 2!!!!!

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Tive grandes mestres no IF, mas sem sombra de dúvida, gostaria de ter sido seu aluno.

    ResponderExcluir
  5. Quem fala! O Marcus Mello tão elogiado pelos seus alunos!

    ResponderExcluir
  6. 自由出丸先生。お元気でご活躍の様子なによりです。20年ぶりにブラジルでお会いできるのを楽しみにしています。

    ResponderExcluir
  7. 日本であった方をブラジルでまた会えることはとても楽しいことですが、どなた様でしょうか。よろしければ、facebookでGildemar Carneiro dos Santosあてにもっと細かく教えてください。

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. 自由出丸さん。私は、25年くらい前に日本でお会いしました。90年にサルバドールに行ったときは、自由出丸さんのお姉さんや友人に会いました。ブラジリアでは、マリオさんと自由出丸さんのお兄さんや友人と会いました。私の友人がブラジルへ行きます。私も私の友人もポルトガルが少ししかわかりません。別の私の友人は、ポルトガル語を自由出丸先生とある意味同じ博士のようなレベルで意見交換するので、助けてもらうことになるかもしれません。今は、この、ブログのシステムがよくわからないのと翻訳機がかなり面白いので、匿名ですみません。また、来週の水曜日以降にできれば、電子メールで連絡できると自由出丸さんは、私を第二の発見します。

      Excluir
  8. さあ!だれでしょう、ね?日本人でしょうか?邦久さんかな。。。

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. 自由出丸さん、よく覚えていてくれましたね。ありがとうございます。私は、FACEBOOKをやっていないので、連絡方法を考えています。自由出丸さんのブログ等は、
      ヤスシさんがすぐに見つけてくれました。ヒデマールさんを覚えていますか?トキオの新聞社で自由出丸さんにお世話になった人です。ヒデマールさんも来週水曜日以降に自由出丸さんと連絡をとりたがっています。私は、匿名という単語だけはわかりました。
      お父さんとお母さんはお元気ですね。サルバドールでフスカを運転してくれたお姉さんは20年前と変わっていない若いですね。来週水曜日以降に詳細に連絡します。

      Excluir
  9. それは嬉しいことです。勿論皆さんのことを良く覚えています。公に僕の連絡先を書きたくないから、どういうふうに会うかを考えています。水曜日僕が教えています。Ondinaのキャンパスで9:00~10:30はPAF-3,という建物の107号室。13:00~14:30はPAF-1の119号室。木曜日の9:00~10:00は物理学部のパティオの左側にいます。もしキャンパスへ行くのは難しければ(難しいと思います)、3:00ぐらいFarol da Barra(バッハの灯台)で会いましょうか。もしここにFarol da Barraで会いましょうという確認があれば、そこへ行きます。

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. 自由出丸さん、ありがとうございます。私たちがブラジルに着いた時は、キャンパスに行けばなんとか会えると思います。しかし、今は、まだ、私たち3人とも日本に居ます。多分、ブラジルに行くのは、来年2014年になると思います(できれば行きたいと思います)。ヒデマールさんは、今年の10月くらいに行くかもしれません。それが正式に決まるのが来週の水曜日です。ヒデマールさんのブラジル行きが正式に決まったら、ヒデマールさんは、自由出丸さんに相談したいことがあるそうです。多分、FACEBOOKに連絡できるようになると思いますので、また、改めて、詳細を書きます。

      Excluir
    2. 了解です。待ってまあああす。

      Excluir
  10. 自由出丸さん。水曜日が遅くなってすみません。私のPCの調子が悪くなったりして、連絡ができません。今週20日に東京で、3人で会いますので、話をして、また連絡します。ヒデマルさんから連絡するかもしれません。もう少し、待っててください。

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. 東京で会議ですか?ノーベル賞でも僕にくれるでしょうか?それとも、ヒデマルさんは僕が下手に何かを翻訳するように頼むのでしょうか?ドキドキです。

      Excluir
  11. 20日(金)は、まず、今後のことについて、東京で3人で会議をします。私は名古屋から、ヒデマルさんは福島から、ヤッシさんは最近ずっと東京本店に居るので、東京に集まります。3人が集まるのは20年ぶりくらいです。会議の結果はどうなるでしょうか???カイピリーニャを飲みながらなので、どうなるか・・・
    私のPCの自由出丸さんのホームページは文字化けして□□□□□ばかりでした。やっと直りましたが、
    FACEBOOKの調子がちょっとです。1回だけはなんとかFACEBOOKで連絡してみます。

    ResponderExcluir
  12. romaji no hou ga ii kana? facebook de dekinakereba, skype de mo ii desu.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. 自由出丸さん。スカイプのメッセージ欄に送信しました。最初に認証が必要とのことですので、認証お願いします。スカイプは、ローマ字の方がよいでしょうか?もしくは、私の名前が怪しかったかな?姓は、私の所属事務所(かつて私の父が作った事務所を引き継ぎました)の省略形です。techplaです。techplaから認証を求めるメッセージが送信されていると思います。techplaに続いて私の名前があるはずです。確認できたら、認証をお願いします。

      Excluir
  13. 日本語の方がいいです。PCは直りましたので、日本語で読めます。スカイプに送信しました。承認をお願いします。スカイプが通じれば、詳細を連絡します。

    ResponderExcluir
  14. Conheci sua página agora Gildemar e viciei! kkkk Parabéns!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poxa, Roberto! Que honra! Vá passando umas dicas boas aí, vá!

      Excluir
  15. Sou Calouro no curso de Física da ufba, gostei muito de conhecer a sua pagina.
    Estou ansioso para pegar uma matéria sua e conhece-lo pessoalmente , abraços Gildemar!

    ResponderExcluir
  16. obrigado telefone
    para meu aniversario
    12 outoburo dia crianca
    matsuoka nagoya
    numero 052-361-0674



    ResponderExcluir
  17. Gildemar, sou natural de Salvador e estou cursando física na usp, mas sinto muita vontade de voltar para minha terra natal. Você acha que o curso de física da ufba é bom também? Obrigado desde já!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa pergunta! Eu ensino aqui na UFBa no mesmo nível que aprendi na USP. Talvez até eu procure colocar de forma mais clara e escolher as coisas mais importantes do que a que eu recebi. Também vejo excelentes alunos aqui, que certamente serão excelentes se estivessem estudando na USP.
      Por outro lado, acho que a quantidade de alunos de alto nível na USP seja maior que a daqui da UFBa, e, se isso pode lhe deixar num baixo astral, quando bem administrado pode lhe levar a procurar elevar seu nível, o que é bem positivo.
      Eu estudei na USP porque não tive outra opção, conforme contei na página Memórias do Japão neste blogue. Em Serrinha não tinha nem colegial, e só tinha parentes disponíveis em São Paulo. Além disso, tinha que fazer uma faculdade pública, por ser pobre.
      Finalmente, acho que se você é disciplinado o suficiente para buscar conhecimento por conta própria, você se dará bem estudando aqui ou em qualquer lugar. E se você pensa que se formar na USP lhe dará um currículo melhor, alunos da UFBa também são aceitos para receber bolsas do Japão, e as portas dos concursos se abrem igualmente para todos os cheios de vontade.

      Excluir
    2. Mas é claro que tenho muito orgulho de ter estudado na USP.

      Excluir
  18. Como professor da USP, também tenho orgulho de tê-lo tido como aluno.
    Sou o Fleming, mas não sei como inserir essa informação!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fleming é formidável mesmo!! Acho que do jeito que está, a informação já está bem inserida, obrigado!

      Excluir
    2. Não sei se receber algum prêmio me daria tanta alegria quanto ouvir isso de Fleming.

      Excluir
  19. 多分デマさんだと思いますが。誕生日の電話ありがとうございます。

    ResponderExcluir