domingo, 21 de agosto de 2011

O que quer dizer "em média"?

  Fui no restaurante a quilo, e perguntei à mocinha da balança quantos gramas as pessoas comiam em média. Ela respondeu que variava. Tinha os que comiam muito, mas tinham os que comiam pouco.  Ela não sabia que tirando a média nunca varia. Para tirar a média, você soma o peso de todos os que comeram no dia e divide pelo número de pessoas. Se uns comem 600 gramas e outros, 400 gramas, em média comem 500 gramas. Não queria que ela fizesse essa conta. Bastaria que ela lembrasse que às vezes tem, por exemplo, quem come 900 gramas, mas tem gente que come apenas 300 gramas. Então fica mais centrado em 600 gramas, ou coisa assim.
  Já outro dia, dia de São Lázaro, tinha um rapaz dando banho de pipocas na porta da igreja. A repórter da televisão perguntou quantas pessoas já tinham tomado banho de pipoca em média.  O pai de santo foi mais inteligente que a repórter. Respondeu que não dava para dizer.  Como é que você vai tirar a média da quantidade de pessoas que tomam banho de pipoca na frente da igreja de São Lázaro?  Faria sentido se fosse a média por hora. Das 8 às 9h, 5 pessoas, das 9 às 10h, 9 pessoas.  em média, sete pessoas por hora, por exemplo. Mas se fosse a média do dia, ele somaria o número de gente que tomou banho de pipoca e vai dividir por quê?  Não faz sentido. Certamente a repórter queria perguntar mais ou menos quantas pessoas já tomaram banho de pipoca.
   As pessoas andam sem saber o que quer dizer "em média".  É o famoso problema da Educação. Deficiência de Português ou de Matemática?  Isso eu não sei.
    Outro dia, nas minhas idas ao Morro do Cristo, encontrei Zé do coco. Fiquei sentado aos pés do Cristo, papeando com ele.
    -Rapaz, as cervejas que trouxe hoje, já vendi tudo - disse. Vendi 10.  A minha média é 15.
    Puxa, Zé aqui sabe o que é média! Tá com o nível melhor do que a pesadora do Spaghetti Lilás! - pensei.
   - Já teve dia que eu vendi somente 5, e o dia que vendi mais, vendi 15. Minha média é 15 - continuou, apagando a minha ilusão.
   Realmente, o pessoal não sabe nem o que é média... E ficam investindo em cadeias.

sexta-feira, 19 de agosto de 2011

Mudanças de professores de Física 3 e Física 4

Dança das cadeiras!
De repente precisamos trocar alguns professores:
   Gildemar, euzinho aqui, saí de Física 3, T09, e fui para Física 4, T04, segunda e sexta, 13 horas.
   Alberto São Paulo saiu de Física 3, T12, e foi para Física 3, T09, segunda e quarta 13 horas.
   Esdras saiu de Física 4, T05, e Física 4, T04,  e foi para Física 3, T12, segunda e quarta, 15 horas, e Mecânica pra físicos.
   Newton saiu de Eletrônica 1, e foi para Física 4, T05, segunda e sexta, 15 horas.
   Eletrônica 1 foi cancelada.

terça-feira, 16 de agosto de 2011

Apresentação musical

No dia 27 de agosto, sábado, 17 horas, teve o famoso Bon-odori, da colônia japonesa, na AABB. Nossos grupos musicais, Coral Kosmos e Ateneu Musical apresentaram músicas japonesas na abertura, e agradecemos o entusiasmo da platéia.
 Pensei em filmar toda a apresentação. Mas, quando começou a primeira música, achei que tinha esquecido de ligar a câmera, e fiquei o tempo todo preocupado com isso. Cheguei até a pular uma linha da partitura.  Quando terminou a música, corri para ligar a câmera. Mas minha mulher já tinha ligado e acabei foi desligando. Resultando: só sobrou essa música: Kita no kuni kara (Das bandas do norte)






terça-feira, 9 de agosto de 2011

O menino da capa

  Marcus Vinícius Argolo, que foi meu aluno de Física 4 em 2009-1, é o menino da capa do caderno Concursos do jornal A Tarde de 09/08/11.  Vai prestar pra Petrobrás e está estudando. Tomara que lembre de Física 4 e passe!